A Tratore por aí:

Destaques

Vários, Carnaval SP 2016 - Sambas de Enredo das Escolas de Samba de São Paulo
Independente (dist. Tratore)

Sambas de Enredo das Escolas de Samba de São Paulo é o CD da trilha sonora da maior festa popular do mundo, o Carnaval. Toda a emoção e a vibração da Avenida estão contidas neste CD. Gravado com as Escolas de Samba de São Paulo e a participação das baterias e puxadores oficiais das tradicionais agremiações do Grupo Especial e também o Grupo De Acesso.



Soledade, Cida Moreira
Joia Moderna

Novo álbum de Cida Moreira com canções inéditas e clássicos de Chico Buarque, Jards Macalé e Milton Nascimento entre outros.

Orlando Silva 100 Anos - O Cantor das Multidões, Jonas Vieira
Independente (dist. Tratore)

Apaixonante como o próprio Orlando, o trabalho de Jonas Vieira nos leva ao reencontro do artista e das canções que o transformaram no maior e no mais amado de nossos cantores. Tal qual Orlando em certo momento de sua atribulada existência, Jonas Vieira procurou “recompor uma imagem partida de muitos pedaços”. Da junção desses pedaços emerge em sua grandeza o cantor mais sensível e o canto mais harmonioso que a nossa música popular já produziu.




Top 20 dos últimos 60 dias Veja mais

Em breve Veja mais

   
 
Rádio Tratore
Agenda
12 de fevereiro – 20:00
Carumbé Show Entre Canções
05 de março – 20:00
Show de Lançamento do CD Carta ao Velho Rosa
Pedro Antônio e Banda - Show de Lançamento do novo Cd "Plantação de Estrelas" no Teatro Rondon Pacheco com a participação de Lula Barbosa e de todos os artistas que participaram das gravações. do CD Plantação de estrelas.
10 de março – 20:00
Lançamento do Álbum Ondes - Laura Jannuzzi Ondes
Local: Café Muzik, Juiz de Fora-MG Valor: R$ 15,00 Horário: 20h SOBRE O DISCO E O SHOW “ONDES” “Ondes” é o mapa sonoro-espacial de uma história perpassada por muitos lugares. Do flerte juvenil à maturidade, no que toca o envolvimento com a canção, Laura Jannuzzi registra um repertório que compila suas primeiras e últimas composições, retratando os principais momentos estéticos em temáticas e parcerias ambientadas entre os anos de 2010 e 2014. Na rota entre a sua pacata cidade natal, Palma, no profundo interior de MG, e a vivência adulta na “Manchester mineira” com pretensões de metrópole e sentimentos de província, Juiz de Fora, “Ondes” pode distinguir-se em diversos caminhos; seja no tom Lúdico e saudosista, creditado à infância vivida na serenidade de uma pequena cidade interiorana, que se grava nas duas parcerias com Pablo Quaresma, “A liga” e “Blues Mirim”; no romantismo místico de “Viagem astral” de Laura Jannuzzi e “Barulhinho de estrelas” de Laura e Bebeto Castro; na nuance contemplativo-confessional de “Blim-blom” (Pablo Quaresma e Laura Jannuzzi) e “Quando sei” (Laura Jannuzzi, Pablo Quaresma, Bruno Daher e Diego Pereira) ou na maturidade romântica de um sensual sincero-confessional presente em “Descompasso” e “amor não”, duas parcerias com a atriz e poeta Layla Paganini. Entretanto, é “Diário” (Laura Jannuzzi e Juliana Stanzani), uma canção predominantemente existencialista, com características de uma metafísica lúdica e subjetiva, e em “Ondes”, composta em compasso composto e dotada de uma poética metricamente complexa e moderna, onde habitam os porvires “ímpares” mais urgentes da estética que se espera da contemporaneidade tatuada nos relevos de Laura. De tal forma, “Ondes”, contou com a valiosa contribuição técnica e artística de já experientes e renomados músicos juiz-foranos da “nova geração”, João Cordeiro (bateria), Marcelo Mattos (baixo), Renato da Lapa (violão), Pablo Garcia (teclado) e Rick Guilhem (percussão), que continuam a integrar a banda que acompanha Laura nos shows do CD. Sob a produção musical de Nando Costa, (músico premiado pela Acoustical Society of America -ASA- em 2010 e pelo Departamento de Engenharia de Áudio e Produção Musical da Berklee College of Music -Boston, EUA- em 2011), que também coloca sua guitarra e arranjos no disco e no show, “Ondes” é a consolidação de uma musicalidade que atualiza as raízes da música brasileira, antenando sua execução às contemporâneas tendências, e situando a cantora e compositora em meio a nomes da geração da “Nova MPB”. Laura, desse modo, traz as referências de Chico Buarque, Novos Baianos, Doces Bárbaros, Mutantes, Secos e Molhados, Marcelo Jeneci, Los Hermanos e Tulipa Ruiz em canções costuradas por confluências rítmicas e harmônicas que partem do estúdio para o palco, com seu estilo único e voz inconfundível. 2016, assim, guarda a estreia do álbum “Ondes”, no qual se grava a ilustração dos diversos caminhos trilhados, que, tal qual a pergunta, mantêm-se abertos ao que há de vir, de ir e chegar.
Vídeos
Os Meus Sonhos (Servem pra você vir me visitar), Zabomba, Vivendo de Truque
Uma resenha
Heraldo do monte, Guitarra Brasileira Independente
Usuario escreveu: a ficha tecnica me deixa imprecionado mais que pena que não tem audio!mesmo assim 100% para esse mestre de guitarra e música brasileira.
Um produto
Grupo Takto, Tempo Beco da Coruja Produções
O Takto possui uma formação original: duas flautas (alternando entre transversais em C, em G, flauta baixo, flauta contrabaixo - a única do Brasil - e flautim), clarineta (ou clarone), violão de 7 cordas, percussão (e bateria) e, eventualmente, vozes. Predominantemente instrumental, apresenta composições próprias e releituras criativas para obras de qualidade, sem distinção entre popular e clássico. O repertório passa por diversos estilos: bossa, erudito, baião, jazz, frevo, progressivo, trilhas de cinema e até infantis. Os arranjos são exclusivos e exploram bem as possibilidades da formação