A Tratore por aí:

Enxugando Gelo


Enxugando Gelo foi considerado por muitos como um dos melhores CDs brasileiros em 2003. O sucesso alcançado com seu disco-solo de estréia permite inclusive que BNegão e sua turma sonhem com o lançamento deste trabalho em outras praças pelo mundo afora. A sonoridade conseguida por BNegão & Os Seletores de Freqüência é de fazer corar até defunto. Nada de muito anormal para uma nação conhecida por seus meninos de rua, afinal não é dela que o rap brotou? E para dar ainda mais sustentação moral e instrumental à arte de BNegão, lá estão Os Seletores de Freqüência, um sexteto formado por Gabriel Muza



Faixas (13)

1.
A Palavra / O Primeiro Passo

Autor:
Editora:


2.
Nova Visão

Autor:
Editora:


3.
Seletores de Frequência

Autor:
Editora:


4.
Enxugando Gelo

Autor:
Editora:


5.
(Funk) Até o Caroço

Autor:
Editora:


6.
A Verdadeira Dança do Patinho

Autor:
Editora:


7.
Qual É O Seu Nome?

Autor:
Editora:


8.
O Opositor

Autor:
Editora:


9.
No Hay

Autor:
Editora:


10.
V.V.

Autor:
Editora:


11.
Dorobo

Autor:
Editora:


12.
O Processo

Autor:
Editora:


13.
Prioridades

Autor:
Editora:



Produtos relacionados
(0/0)


   

Resenhas
Positivas (19)
Tudo é vai e volta!!!

Um disco fantástico de um artista idem. É uma mistura de estilos não porque isso seja um fim mas porque é o melhor jeito de falar o que ele tem pra falar. Letras inspiradas, batidas inspiradas... Fiquei ouvindo um mês seguido. E como "tudo é vai e volta", deu no que deu, um disco sincero e bem feito naturalmente deu muito o que falar.

por Mauricio Bussab em 24/09/2004
Funk até o caroço

A primeira vez que ouvi Funk até o caroço, foi no antigo teatro Mars em uma participação do show do Otto. Demorou até o cd ser lançado....mas valeu a pena. Duro vai ser organizar o Planet Hemp depois do lançamento do disco solo de todos os seus vocalistas.....geração muito boa!!!!1

por Luiz Augusto De Biasi em 07/10/2004
bem legal

Como sou fã da revista outracoisa e do Muzak (guitarrista que faz parte do Seletores de Frequência) comprei o disco. Bem legal: criativo, inteligente, grooveado e cheio de atitude.

por Taw em 08/10/2004
Letras

Mais do que o som, as letras do BNegão são fantásticas. Acho que ele é um dos poucos rappers brasileiros que realmente dizem coisas que realmente importam.

por Fernando Maranho em 20/10/2004
enxugando gelo

Apesar de alguns sons meio datados, tipo "A Dança do Patinho", é um ótimo apanhado do trabalho multifacetado de BNegão, com destaque para a música que dá nome ao disco e "A Palavra/O Primeiro Passo".

por marcelo firpo em 22/10/2004

Bnegão ja é um velho conhecido da casa, desde o colegio ja o conhecia, um musico da minha geração, etem mais, demrou para lançar seu trabalho solo. Muito bom, enxugando gelo é bem legal e diversificado, diferento do que conheciamos. Bnegão fez a cabeça.

por reinaldo rodrigo novo em 23/10/2004
Mensagem, rima e samples

Bnegão não poderia ter melhor compania nesse cd. Os seletores de frequencia mandaram ver em grooves funkeados e dubs alúcinógenos pra que o rapper mandasse seus versos cheios de mensagens positivas e as vezes com uma certa ironia já conhecido pelos trabalhos anteriores com o planet hemp e funk fuckers. A parceria com sabotage ficou na história como um dos grandes encontros do hip hop nacional. Enfim escute, viaje, pense e dance.

por Rodolpho Gibertoni Neto em 29/10/2004
filhos do Planet

Não resta nenhuma dúvida que o Planet Hemp é uma banda revolucionária, sempre preparada para criar polêmica e abordar temas "proibidos". ao longo dos anos o Planet foi povoando o mundo com seus filhos, os CDs solos de seus integrantes. o mais famoso deles, Marcelo D2, já é tão (ou mais) famoso que a banda mãe. Seu fiel escudeiro, Bernardo Negão, mostra neste CD todos os motivos pelo qual é um dos grandes nomes do rap nacional. Os Seletores de Frequência não deixam a peteca cair na cozinha, dando todo o suporto para que BNegão desfile toda sua poesia.

por André Panico em 29/10/2004
B. Negão & Os Seletores de Freqüência - Enxugando Gelo - (Net Records)

O B. Negão do Planet Hemp esta aqui, o Bernardão Erótico do Funk Fuckers também sendo assim a festa do B. Black esta completa. Enxugando Gelo é mais que um bom debute é a prova definitiva da efervescência criativas dos vocais à frente do Planet Hemp (além de B, o próprio D2 e mais recentemente Black Alien). B Negão caminha rimando pelo "Funk-Roots" seja ele dos anos 70, seja ele em forma da "New-Black-Music" carregado de referencias (Funk, Rap, Soul, Hip-Hop) e interferências (Rock, Reggae, HC, Samba). Se gostar de Dub ele o faz em "Seletores de freqüência", se o caso é protestar lá esta "Nova visão" e seu swingado refrão, a ironia tem lugar garantido em "Enxugando Gelo" e na hilária "A Verdadeira Dança do Patinho" (onde há um destaque para os vocais de Paulão da inacreditável Gangrena Gasosa), "Funk até o caroço" é a afirmação de que tudo com ele e com a sua banda vira Funk (aliais um destaque especial para instrumental), "Qual é o seu nome" é um Hardcore como aqueles que não po

por Luciano Branco em 29/10/2004

Sério, não é muito a minha praia o Hip Hop e o Rap. Mas Bnegão tem que ouvir! Nesse álbum que conta com a participação do ex vocalista da grandiosa banda de macumba metal Gangrena Gasosa, Bnegão abusa de batidas maneiríssimas e manda ver na voz. Destaque para a dança do Patinho, muito foda!

por Thiago da Silva Corrêa em 29/10/2004
Fritô o Sampler

É bom mesmo. O snomes são bons, as letras são boas. Bela produção. O Dub de abertura "A palavra/ O primeiro passo" é duca! Participação de Ganjaman na escaleta... O "Funk do patinho" é um funk carioca com letra politizada e engraçado pacas! Um deboche bem feito e inteligente. O disco mistura Funk e Hip Hop, rappers, trompete, naipes de metais, scratches como "Nova visão". E como diz a resenha ai abaixo: não é só pra quem curte Hip Hop. É pra curte som bom mesmo!

por Marcelo Ozorio em 25/01/2005
galinha que acompanha pato...

Enxugando Gelo, disco de estréia do rapper Bnegão( que vem acompanhado da excelente banda seletores de frequência)- mostra além da potente voz do músico e dos ritmos e melodias de sua banda( que permeia o disco com um verniz de jazz dub-se é que isso existe), letras espirituosas, que criticam tirando sarro, fazem você pensar mais ao mesmo tempo te fazem rir. samba, jazz, dub,grindcore, funk carioca e ragga na mesma panela, adicionando ainda letras "espertax" em cima. boa pedida( e que venha o próximo)

por joão cassiano em 19/07/2005
era de se esperar

bnegao ja dizia a que veio nos tempos do planet hemp,e com esse "solo com banda" ele nos mostra mais de seu talento e versatilidade.divertido,instrutivo e muito bem tocado,e umdisco muito bom. pra fazer a festa e pensar

por fernando rombaldi beserra em 21/07/2005
Tapa

Sempre escuto este CD me perguntando: - Será que preciso mesmo ouvir isso?! Será que preciso ouvir esses metais, esse refrões?! Acontece que não sei se preciso me sujeitar a levar esse tapa-de-luva na cara. De uma certa forma me sinto até envergonhado e ao mesmo tempo feliz. Meio confuso, meio "será que ainda existem músicos orgânicos?". Esse é o ponto: Orgânico. O Senhor Bernardo faz uma visita do hardcore ao funk. Traz pra você os elementos verdadeiros de uma forma clara e objetiva. "Enxugando o Gelo" pra mim, parece ser a eterna espera da honestidade e personalidade musical brasileira, acho que, cada verso, cada palavra, soa como um grito de: "Sim! Há originalidade musical aqui". Como se não bastasse, tive que ir ao show dos caras. Pronto. Lá estava eu sacolajando o corpo pra lá e pra cá, cantando todas as músicas, como um coro de uma platéia do CPM 22 (!) super feliz e com a sensação de alma renovada. É fato. "Enxugando o gelo" é um apelo, uma ferramenta, um

por Julio Cesar em 30/08/2005
Soul é isso!

Músicas que vem da alma, da veia, do coração, sem cair na obviedade nem na pura "crítica pela crítica". Levadas de samba funk, Dub, Rap, Hip-Hop, Rock, Punk, dentre outras inflências menos visíveis, como o experimentalismo em "O Opositor". O "pancadão" nervoso de "Dança do Patinho" consegue criticar posturas sociais conservadoras estacionárias levado numa batida já conhecida pela grande massa. Música é isso, música serve prá isso. E esta obra consegue dizer o que quer pra quem quer dizer.

por Ricardo Silva Lacerda em 05/09/2005
Enxugando Gelo

Enxugando Gelo NO SEU BNegão & Os Seletores de Frequência é um trabalho tocante...

por BYANCA OTA. em 07/09/2005
Um passo à frente

Mais um bom fruto da árvore do Planet Hemp, B Negão e os Seletores de Frequência são uma mistura de bons sons e letras bem feitas ("A Verdadeira Dança do Patinho", "Enxugando Gelo", e "V.V." são as melhores), um prova de que eles realmente "priorizam as prioridades".

por JAKOB NOSTRI em 04/08/2005
obra-prima

esse primeiro cd do grande BERNARDO... mais conhecido pelo codinome B Negão é uma verdadeira obra-prima. Um clássico desde sempre. sarcasmo, ironia, humor negro, crítica social, piadas nefastas... tudo junto num balaio maravilhoso. destaque para a grande música "A verdadeira Dança do Patinho" que ironiza toda uma cultura de massas que reina - infelizmente - no Brasil.

por carlo bruno montalvão em 23/08/2005
Veio com tudo!!!

B Negao faz parte do rol de pessoas serias e politizadas no Brasil que tem algo a dizer e ele se faz ouvir por lidar com a música e por falar sem rodeios como é possível comprovar no ótimo Enxugando Gelo.Com letras que tocam fundo na alma do brasileiro espezinhado por um sistema sufocante,o cara consegue fazer refletir.Faixas como A Verdadeira dança do Patinho deve doer até em quem segura o tchan por aí.

por Lennon Marques dos Santos em 24/08/2005
Negativas (1)
blah blah blah

como a maior parte do hype brasileiro, falta nesse cd: letras menos prolixas e mais profundas atitudes menos messianicas e mais adultas a banda é boa, mas ortodoxa Como rap, guarda um abismo de distância entre grupos de qualidade como os Racionais Mcs

por adalberto henrique castelo branco rabelo filho em 02/09/2005

Escreva uma resenha






Você gostou do disco?



Resenha (opcional)




Ficha técnica
Artistas principais
Ano
2003
Lançamento
20/02/2004
Gênero
Hip Hop
Código do catálogo
NET0038
Código do produto
7898283560518
Selo
L & C Editora
Formato
Album/CD
Agenda